Ser produtivo ou ser workaholic? Faça a sua escolha

Muitos profissionais podem ficar em dúvida sobre ser produtivo. Se é algo que, necessariamente, tem de estar associado a se dedicar de forma intensa ao trabalho, passando a ser reconhecido como um autêntico workaholic.

Em muitos casos, há a crença de que, ser um workaholic passa a impressão de maior chance de sucesso e comprometimento com a empresa. Porém, essa é uma escolha e que não está ligada necessariamente a ser produtivo.

Neste artigo, vamos demonstrar que um profissional deve escolher entre ser um workaholic e ser produtivo.

 

O que é ser produtivo?

Ser produtivo relaciona-se a ter foco em algum resultado que se deseja alcançar, com a qualidade adequada e no tempo justo para a execução das atividades que possibilitarão atingir esse resultado esperado. É focar naquilo que realmente importa, sem desvios em determinada trajetória. 

Dessa forma, um profissional produtivo não necessita de uma dedicação intensa, além daquela que é necessária para atingir as metas traçadas.

A produtividade está ligada àquilo que é rentável e que agregue valor a determinado processo existente na empresa.

 

Normalmente, podemos estabelecer que um profissional produtivo agrega três fatores principais, que são a eficiência, eficácia e efetividade e que estão diretamente relacionados ao bom resultado obtido.

E o profissional workaholic?

Workaholic está relacionado ao profissional que direciona todo o sentido de sua atuação na empresa; muitas vezes, anulando a via pessoal com dedicação exclusiva a suas atividades profissionais.

Isso necessariamente não está relacionado a ser produtivo, e sim a uma falsa impressão que uma dedicação intensa faz do profissional uma pessoa imprescindível e que tem uma dedicação acima dos demais.

No entanto, é importante entender que dedicação exclusiva e obtenção de resultados nem sempre se relacionam e podem indicar problemas diversos quanto a condução das atividades exercidas e até mesmo indicadores de fragilidades emocionais que podem interferir nas atividades dentro das empresas.

Um Workaholic é identificado como alguém viciado em trabalho e, desta forma, deve tentar ajustar essa postura para um equilíbrio pessoal e profissional, gerando ganhos a todos.

O que o mercado deseja?

As empresas de sucesso não costumam incentivar profissionais workaholic, mas sim aqueles que apresentem características para um equilíbrio e ser produtivo de forma adequada, trazendo benefícios, inclusive de dedicação a novos aprendizados e posturas críticas em relação a seus processos, visando a melhoria contínua.

Esse tipo de empresa deseja que os profissionais que entreguem resultados com maior produtividade, sem interferir no bem estar e saúde dos profissionais.

 

Empresas que investem em qualidade de vida e limites adequados de dedicação tendem a ser mais bem avaliadas pelos melhores profissionais e, assim, conseguem se destacar em relação à concorrência.

Uma escolha a fazer!

Ser produtivo ou workaholic são conceitos que não necessariamente se completam. Sendo assim é importante que se defina o tipo de profissional você deseja ser reconhecido e que se sinta mais a vontade com essa decisão.

Muitas vezes existem períodos em que a dedicação mais ampla é necessária. Porém, deve ser evitado o hábito e excesso em qualquer situação que se apresente em nossas vidas.

 

Assim, o importante é ter em mente que um profissional que se destaque é aquele que consegue conciliar vários aspectos de sua vida e possa buscar uma qualidade e equilíbrio adequado para ter sucesso e sempre evoluir.

Qual a sua escolha entre ser produtivo ou ser workaholic?

Como verificamos nesse artigo nem sempre um workaholic está garantindo ser produtivo e em muitos casos pode passar a ideia de que suas atividades estão mal distribuídas ou executadas com ineficiência. 

Importante que o profissional tenha a consciência de buscar sua maior produtividade, dentro de limites e respeito entre suas atividades profissionais e o tempo para se dedicar a aspectos pessoais e manter uma vida equilibrada.

 

Um trabalho de coaching desenvolvido por profissionais qualificados podem ajudar a definir sua estratégia para um equilíbrio que busque a melhor forma de atuar plenamente em sua vida pessoal e empresarial.

Conheça nossa FORMAÇÃO COMPLETA EM COACHING  que vai te ajudar em seu processo de autoconhecimento e desenvolvimento de habilidades e competências! Clique em saiba mais!

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *